domingo, 26 de setembro de 2010

Hoje...

... no meio do caos, consegui bordar e costurar um pouquinho.

Projeto
Bordado baseado em risco da minha 'ídala'  Jenny Hart

Uma ótima semana pra todo mundo!
Aqui em Brasília, continuamos na torcida pela chuva.
(por Helena)

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Nós no BananaCraft!

Esta semana uma de nossas fotos foi selecionada para figurar entre as melhores do grupo BananaCraft do Flickr:

Mimi
Essa Mimi só nos traz alegrias!

Ficamos superfelizes, já que o BananaCraft, blog da Dani, é bastante conhecido no meio craft e, toda semana, o grupo recebe centenas de fotos do Brasil (mundo?) todo. Junto com o nosso, foram publicados outros cinco trabalhos -- maravilhosos -- que merecem ser conferidos!

Na semana retrasada, foi a vez do meu UFO (acho que todo mundo tem um!). Pior é que, agora, é questão de honra terminá-lo:

Bento box gigante (WIP) 
Adoro esse colorido!

Um ótimo final de semana!
Aqui em Brasília, continuamos na torcida por um pouco de chuva!
(por Helena)  

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Continuando a ouvir Beethoven

No sábado passado, o Guto e a Elza tocaram Beethoven, em peças  que ainda o colocam dentro do Classicismo, com influência de Mozart e de Haydn. No próximo sábado, 25 de setembro (depois de amanhã), dentro da série "A música na linha do tempo", na sala Cássia Eller, a Elza Gushiken (piano), a Lilian Rayol (violino) e a Norma Parrot (violoncelo) continuam a mostrar essa trajetória de Beethoven, desde sua época clássica até os prenúncios românticos de sua obra.
A Norma, minha nora, e o Guto também são integrantes da Orquestra do Teatro Nacional Claudio Santoro, aqui de Brasília. Como cameristas, são muito ativos: ele, com seu Quarteto Capital; ela, com seu Quarteto Claudio Santoro; ou em eventuais formações em duos, trios e quartetos.

Norma Parrot

Para ouvir (e ver) a Elza, a Lilian e a Norma é só ir até a Sala Cássia Eller, da Funarte,  que fica no Setor de Difusão Cultural, entre a Torre de TV e o Clube do Choro.
A programação é livre. Levem as crianças!
R$ 10,00 (inteira); R$ 5,00 (crianças, maiores de 60 e funcionários da Funarte)

E eu? Vou estar lá tietando, claro!!!!
(por Cecilia)

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Brasília, a seca, a beleza do cerrado ...

Estou aqui, na secura, pele repuxando, mas feliz. Não costumo vir a Brasília em setembro; meus meses de visita costumam ser maio e outubro. Mas uma série de conjunções me fizeram vir agora:   a Helena foi ao Rio "me buscar" (para aproveitar as férias fora de época, por causa da greve da UnB) ; o convite irrecusável do Guto para a série da Funarte (aqui e aqui e ainda no próximo sábado); por causa das eleições (apesar de não precisar mais, gosto de participar do processo) e, na realidade, porque amo Brasília em qualquer época ...
Antes de vir, mandei um e-mail para minha amiga Louise. Sua resposta: "Setembro? Hum ... período de seca terrível? ...". Já aqui, recebo da minha amiga Sara a seguinte mensagem: "Até quando você fica no deserto?"
Pois é! Na 2ª-feira, o governador do DF decretou situação de emergência, por causa da estiagem de 117 dias, que ocasionou o incêndio no Parque Nacional de Brasília e por causa da seca (a umidade do ar tem ficado abaixo de 20%). No entanto ...
... é nesta época que os ipês florescem: amarelos, roxos, brancos ... A Helena e eu conversamos ainda agorinha sobre as cores do cerrado na época da seca. Ela imagina um quilt com o azul do céu, o marrom da terra seca, o verde esmaecido dos gramados e as cores exuberantes dos ipês. Para quem não sabe, o ipê amarelo é a flor nacional do Brasil. Então me vem a lembrança da Helena, com 12 anos, diante do quadro Guernica, de Picasso, naquela época ainda no Casón del Buen Retiro (atualmente está no Reina Sofía), em Madri: "Mamãe, aquela florzinha ali no meio quer dizer que mesmo com a guerra, depois tudo fica florido de novo, nãe é?"

allat.biz
Aqui a florzinha da Helena: 

razarumi.com
Os ipês são, para mim, a florzinha do quadro do Picasso: seca, incêndio, pele seca ... e eles lá, impávidos:

foto: Rubens Craveiro (panoramio.com)
foto: Paulo Guilherme Cabral (macarrao2.blog.uol.com.br)
blog da Ana Rosa (paginadedireito.com)
Encontrei esta foto neste blog: movcerradovivo.blogspot.com


O blog Movimento Cerrado Vivo tem por objetivo lutar "Pela aprovação de Proposta de Emenda à Constituição que inclui o Cerrado, além da Caatinga e do Pampa Gaúcho, na lista de biomas que são patrimônio nacional no parágrafo 4º do artigo 225 da Constituição Federal de 1988".

Não conheço os integrantes do blog, mas como amo Brasília, penso que é uma ideia que merece ser divulgada.

Depois de votar, volto para a muvuca do Rio, protegida pela (relativa) tranquilidade do Bairro Peixoto. Mas a imagem dos ipês, resistindo a tudo, vai me acompanhar, como sempre me acompanha, quando me lembro dos dias felizes que vivi aqui, no cerrado. É isso aí, véi!
(por Cecilia)

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Outro convite para ouvir clássicos

Continuando a programação "A música na linha do tempo", da Sala Cássia Eller, no sábado (depois de amanhã), 18 de setembro, o Guto vai apresentar duas sonatas de Beethoven, em duo com a pianista Elza Gushiken, excelente camerista, conhecidíssima no campo da música erudita. As sonatas pertencem à fase clássica do grande compositor alemão.

Augusto Guerra Vicente (violoncelo) e Elza Gushiken (piano)
(foto: Yuri Sarudianski)
Sala Cássia Eller no Complexo da Funarte (Brasília)
Sábado, dia 18 de setembro às 17h.
Ingressos: dez reais (inteira) cinco reais (meia)


A programação é livre. Criança pode entrar! 
(por Cecilia)

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Novidades na lojinha

Novidades na lojinha!

Saindo do forno!

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Os cataventos da Edna e do Cândido

Depois de criarem vida,


meus cataventos voaram até Porto Alegre e pousaram na cama do quarto de visitas do apartamento do meu irmão e da minha cunhada. Agora eles são os cataventos da Edna:


A cama faz parte de um conjunto de quarto que já está na família da Edna há mais de século e meio. Os  móveis eram de uma tia, depois passaram para a mãe da Edna. A Edna e meu irmão estão com esses móveis, mas eles pertencem  à sua filha mais nova, Roberta, que reside no exterior.
Nesta foto dá para ver mais detalhadamente a cabeceira, uma das mesinhas laterais e o banco. A penteadeira fica de frente para a cama.


 Na parede da cabeceira há fotos antigas de parentes da Edna. E também, emoldurada,  está a certidão de casamento dos donos da casa. O gatinho se chama Cielo. A gatinha Luna, branquíssima, não quis aparecer na foto. Segundo a Edna, a Luna olhou pra colcha e se recusou, veementemente a subir na cama. Magoei!
Estou muito feliz porque eles a-ma-ram meu presente.
(por Cecilia)

Convite para ouvir clássicos

No próximo sábado, dia 11 de setembro, já estaremos a Brasília. Vamos ver o Quarteto Capital, que nos convida para ouvir Haydn e Mozart:


Caros amigos,

Dentro da programação da Funarte para setembro, tenho a honra de vos
convidar para
A música na linha do tempo...

um passeio pela história da música com o
Quarteto Capital
fazendo sua interpretação do período da história da música conhecido como
"Classicismo"

 Tocaremos o quarteto de Mozart "Dissonâncias" e o quarteto de Haydn "Imperador"

Sala Cássia Eller no Complexo da Funarte
Sábado, dia 11 de setembro às 17h.
Ingressos: dez reais (inteira) cinco reais (meia)



O Quarteto Capital é composto pelos violinistas Igor Macarini e Daniel Cunha Rego, o violista Daniel Marques e o violoncelista Augusto Guerra Vicente. "Crias" da Escola de Música de Brasília e do  Departamento de Música da Universidade de Brasília, são membros da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro.
A programação da Sala Cássia Eller para 2010 pode ser vista aqui.

A Helena e eu fazemos um convite especial - olha o sobrenome do violoncelista! 
Mamãe Cecilia fica toda orgulhosa!!!

(por Cecilia)

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Bento box colorado: missão cumprida!

A sensação de ver um projeto terminado é indescritível. Ficou do jeitinho que eu queria, com o efeito bem geométrico do padrão bento box sendo quebrado pelo quilting sinuoso e miudinho da amiga querida Selma Rosa. Como eu já havia contado aqui, esse baby quilt vai de presente pra um gurizinho colorado que ainda está na barriga da mamãe Renata, minha prima lá do Sul.

Missão cumprida!


Missão cumprida!
Missy ao fundo, sobre um quilt antiguinho que eu adoro (by crafty-mom)

Missão cumprida!
Detalhe do verso na cor acqua. Atenção, colorados: não é azul, é verde-piscina! Adoro o contraste com o vermelho vivo do acabamento

E que venha o próximo projeto!
(por Helena)

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Shaná Tová - Feliz Ano Novo

No meu perfil, aqui no lado direito do blog, está escrito que, além dos trabalhos manuais,  também me interesso por uma língua chamada ladino, falada até hoje por algumas comunidades de descendentes dos judeus expulsos da Espanha no século XV. Comecei esses estudos quando ainda dava aulas, sempre por meio de livros ou pela Internet. Quando me aposentei, em 2000, pude me dedicar com mais empenho a essa atividade, para mim, enriquecedora e instigante. Já morando aqui no Rio, vinda de Brasília, conheci, num encontro de corais promovido por um clube chamado Hebraica, um grupo chamado "Grupo Angeles i Malahines de Cultura Sefaradi". Esse grupo, do qual hoje participo, tem por finalidade a preservação e a divulgação de melodias cantadas nos dois ramos linguísticos do judeu-espanhol: o ladino e a haquetia. Quando lhes falei do meu interesse, convidaram-me a assistir a um dos ensaios para que eu pudesse "ouvir ladino", já que eu só conhecia a língua escrita. Resumindo: fui para ouvir e permaneci para cantar.
No dia 8 de setembro - depois de amanhã - (mais precisamente no dia 7,  já que o dia judaico começa no por do sol do dia precedente) começa o ano de 5771. A essa festa se dá o nome de Rosh Hashaná (pronuncia-se rochachaná), que significa 'cabeça do ano'. A saudação é Shaná Tová ('Bom ano'), ao que se costuma responder Umetuká ('doce'). Ou seja  "que o novo ano seja bom e doce".

euroenigma.wordpress.com
No desenho estão representados o shofar, que é um instrumento feito de chifre de carneiro, a Torá (com a estrela de Davi), a maçã e o mel, que representam o desejo de que o ano seja doce.

1tess.wordpress.com

Além do ladino e da haquetia (falados pelos judeus sefaradis, também chamados de judeus ibéricos), há também o ídiche (falado pelos judeus asquenazes ou germânicos). Desejo a todos, em hebraico, em ladino e em idiche, um Feliz Ano Novo:

            Shaná Tová  -  Anyada Buena - A Gut Yor

juntamente com uma bênção ("bendicho") em ladino: "Ke muestros kaminos sean de leche i miel".
(por Cecilia)


sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Hoje fui assim... de Fleur du Temps!

Quem me conhece sabe que sou low profile até dizer chega... mas hoje não resisti e resolvi publicar esta foto com o visual que me acompanhou o dia inteiro (desde a reunião de trabalho pela manhã até a saída da escola da Helô no final da tarde). Sério: nunca uma roupa minha foi tão elogiada. A responsável é uma das várias surpresas boas que tenho tido na blogosfera: Flávia Campuzano, idealizadora da Fleur du Temps.

Fleur du Temps: garota propaganda (hoje fui assim...)
Vi o trabalho da Flávia pela primeira vez no blog Hoje Vou Assim, da Cris Guerra
Clica na foto que ela fica beeeeeem maior!
Dica boa a gente espalha: a Fleur du Temps está com uma promoção relâmpago imperdível... corre lá!
(por Helena)